Análise ao FC Nordsjælland




Está encontrado o primeiro adversário do Sporting na edição 2010/2011 da Liga Europa, o FC Nordsjælland. Eu, como muitos outros sportinguistas, desconhecia a existência desta equipa, mas depois de analisar várias publicações pude fazer uma análise “completa” do clube dinamarquês.

História

O FC Nordsjælland foi fundado no ano de 1991, inicialmente com a designação Farum BK. Desde esse ano participou sempre na segunda divisão dinamarquesa, até que na época 2001/2002 conseguiu a promoção à primeira liga. Na temporada seguinte, ficou na terceira posição, o que equivale a uma qualificação para as competições europeias. Na época de estreia na “Europa”, os dinamarqueses conseguiram uma razoável prestação, tendo sido eliminados na primeira eliminatória pelos gregos do Panionios (1-2 e 0-1), e para chegar a esta eliminatória eliminaram os arménios do Shirak (4-0 e 2-0). Dentro de portas, o FC Nordsjælland realiza temporadas muitos irregulares. Entre as épocas de 2003/2004 e 2006/2007 alcançou o nono, o décimo e o quinto lugares, respectivamente. Na temporada de 2008/2009, a equipa dinamarquesa regressou às competições europeias, desta vez via Prémio Fair Play atribuído pela FIFA. A prestação desta vez foi melhor. Na primeira eliminatório eliminou o TVMK, da Estónia (3-0 e 5-0). Na segunda eliminatória o clube eliminado foi o Queen of the South, da Escócia (2-1 e 2-1). Os “vikings” acabaram por cair aos pés do Olympiakos, da Grécia, na terceira eliminatória (0-2 e 0-5). Na época 2009/2010, o FC Nordsjælland terminou o campeonato no 7º lugar, tendo alcançado o direito de participar na Liga Europa por ter ganho a Taça Dinamarquesa, primeiro título do clube.

Táctica

O FC Nordsjælland muda frequentemente o sistema de jogo. Tanto usa um 4-3-3 como um 4-4-2 ofensivo. Não praticam o futebol típico do norte da Europa (jogo directo), preferem ter a boal no chão, ocupar o campo todo e, por vezes, dar um pouco de espectáculo. Destacam-se nesta equipa o experiente guarda-redes Novakovic (já passou pelo Reggina), o ala-esquerdo Bengtsson, o jovem Andreas Laudrup e o “matador” Fetai.

A estrela

Andreas Laudrup, filho do agora treinador Michael Laudrup, é o jogador que comanda a manobra ofensiva da equipa. Gosta de jogar solto atrás dos avançados, de ter a bola nos pés e de criar desequilíbrios nas defesas adversárias. Já passou pelo Real Madrid.

Reacções ao sorteio

“É uma eliminatória complicada, não há dúvida sobre isso. O Sporting é uma grande equipa na Europa. Mas temos de jogar com as nossas possibilidades, o que certamente faremos” Andreas Bjelland, defesa do FC Nordsjælland.

“Foi o sorteio possível. O Sporting é uma equipa que vai tentar vencer, como já disse, as competições em que está inserido. Portanto, saiu esta equipa dinamarquesa, vamos respeitá-la, mas obviamente que vamos querer vencer.” Costinha

Muitas das ideias para a elaboração deste post foram retiradas de um texto do site http://aoutravisao.wordpress.com/, a quem agradecemos a prestabilidade. Podem ver o artigo  (aqui) .Obrigado!

Comentários