Relatório de Contas (I)

(clique na imagem para ver o relatório completo)

Hoje aproveitei algum tempo livre para analisar muito por alto um tema que me interessava no relatório de contas: os valores das transferências, claro está, onde cada vez existem mais as ditas comissões, que não podem ser escondidas.

  • Carrillo custou 690 000 € (50 % do passe)
  • Alberto Rodriguez custou 1 236 000 € (70 % do passe)
  • Stijn Schaars custou 1 350 000 € (100 % do passe)
  • Santiago Arias custou 920 000 € (50 % do passe)
  • Ricky v. Wolfwinkel custou 5 075 000 € (100 % do passe)
  • Fito Rinaudo custou 2 420 000 € (100 % do passe)
  • Marcelo Boeck custou 959 000 € (75 % do passe)
  • Valeri Bojinov custou 2 600 000 € (80 % do passe)

Só vou analisar a parte das entradas porque nas saídas já não estou a entender nada por causa da treta dos fundos. Logo aqui encontro coisas que não dá para compreender, ou melhor, fica aqui demonstrado o poder dos agentes desportivos na intermediação de transferências. Rodriguez e Arias (supostamente) tinham o passe na mão, mas a verdade é que o Sporting deve de pagar pelos dois uma quantia superior a dois milhões de euros. Os valores envolvidos nas contratações de Carrillo, Schaars, Rinaudo, Boeck e Bojinov não me surpreendem, sendo que não fogem muito ao que foi divulgado pela imprensa.

O que me intrigou bastante foi o valor da transferência de Wolfswinkel. Quando o negócio foi comunicado à CMVM, a «Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD, vem informar ter chegado a acordo com F.C. Utrecht para a aquisição dos direitos desportivos e 100% dos direitos económicos do jogador Ricky Van Wolfswinkel, pelo valor total de cinco milhões e quatrocentos mil euros». Então, ou eu sou muito burro, ou existe aqui uma discrepância de quase 400 mil euros? Em cima informam que custou 5 075 000 €, no comunicado à CMVM 5 400 000 €.

Só falo disto porque ainda não li tudo com atenção, mas, segundo já pude ler em alguns comentários, as vendas de percentagens de passes de jogadores aos fundos, o dinheiro envolvido nas dispensas e mesmo o dinheiro por receber nas transferências de Moutinho e Veloso (embora este tema possa ser explicado pelo pagamento por tranches) são pontos que devem ser analisados cuidadosamente.

Comentários

JubasSCP disse…
boas...
quem escreveu este texto (post)?
foi escrito por alguém da equipa do blog mercado leonino?
esclareçam-me esta duvida sff...
JubasSCP
Miguel S. disse…
o texto é da autoria do claudio, como se pode ver facilmente. o claudio é um dos membros e administradores do Mercado Leonino. cumps
Anónimo disse…
400 mil euros referem-se a comissao do Luis Duque.., que deverá estar nos cutos com pessoal..