Júlio Alves, os segredos da contratação


Recordam-se deste post? Ainda bem, continua mais atual do que nunca. Depois dos empréstimos de Salomão e André Santos ao Deportivo, aos que se acrescenta o quase ingresso de Rodriguez nos espanhóis, era muito fácil prever o que surgiu hoje na imprensa: Júlio Alves, médio-defensivo português, está a caminho da equipa B. Não colocando o valor do atleta em questão (até considero uma boa transferência, é um jogador experiente e que sem lesões será importante numa posição sem grandes opções), parece-me uma clara forma de o Sporting compensar Jorge Mendes (que encontra uma boa solução para o jogador) por ter feito o frete ao Sporting de colocar excedentários.

A ligação entre Sporting e Jorge Mendes ainda não trouxe grandes efeitos no nosso plantel principal (para além das dispensas), e é por aqui que me parece que surgirão novidades. Jorge Mendes é, como se sabe, um agente com muitos contactos no futebol, capaz de desbloquear um negócio com infindáveis nós. Carlos Freitas ainda procura um avançado (Viola foi contratado para “substituir” Izmailov) para fechar definitivamente o plantel, e, curiosidades das curiosidades, Jorge Mendes tem nos seus quadros de clientes três avançados que estão para venda nos seus respetivos clubes: Diego Costa (Atlético de Madrid), Bebe (Man. United) e Hugo Almeida (Besiktas). Não é um rumor, não é uma inside-info, mas serei eu ótimo a prever coisas?

Comentários

SportingSempre disse…
o Diego Costa era bom, já os outros 2 nem pintados de ouro...

preferia Etock, Betinho ou mesmo jogar sem ponta de lança.
Anónimo disse…
Taison é que era!
Arnaldo Ventura disse…
O Diego foi para o Málaga, além de não ser um ponta de lança.
Almeida é miserável e Bebe ninguém sabe porque nunca jogou mais de 10 jogos no futebol profissional...
Anónimo disse…
Para já Bebe nem se pode considerar um avançado, joga claramente mais descaído para a ala. E o Diego Costa segundo dizem está muito próximo de assinar pelo Málaga.