Pós-Jogo : Sporting 2 - 1 Nordsjælland


O Sporting está no Play-Off de acesso à fase de grupos da Liga Europa! Sem brilho, mas está. A equipa leonina venceu hoje o Nordsjælland por 2-1 (3-1 no conjunto na eliminatória), mas os fantasmas da época passada voltaram por alguns (e longos…) minutos. Falando do jogo em si, o Sporting entrou com uma atitude muito relaxada em campo, proporcionado à equipa dinamarquesa algumas ocasiões de perigo. Aos poucos, a criatividade foi aumentando e as oportunidades começaram a surgir. Com grandes entendimentos entre Vukcevic e João Pereira, o Sporting começou a proporcionar aos adeptos bom futebol, algo que acabou por culminar no golo de Postiga. Minutos depois, o mesmo Postiga ia marcando um daqueles golos que deixam o estádio em “woooooooooo!”, com um remate pleno de intenção sobre a linha do meio-campo que ia apanhando o guarda-redes da equipa dinamarquesa em contrapé. A partir daí, o jogo esmoreceu e as equipas recolheram aos balneários. Na segunda parte, o Sporting da temporada passada regressou: falta de ideias e futebol muito lento regressaram a Alvalade, e quase aconteceu um “desastre”, o Nordjallend chegou ao empate e estava a apenas um golo de seguir em frente e eliminar os leões. Depois de alguns minutos com a corda ao pescoço, Maniche (com um remate em trivela depois de uma excelente desmarcação de Evaldo) colocou um ponto final na eliminatória. Muito material para Paulo Sérgio analisar e corrigir…

Gostei:

- Patrício realizou uma boa exibição, no entanto continua a não transmitir confiança aos companheiros e aos adeptos. Falo pois claro daquele lance que saiu mal ao cruzamento. Contudo, com trabalho tem tudo para se tornar uma referência no Sporting.

- Evaldo e João Pereira integraram-se muito bem no ataque, aparecendo muitas vezes encostados à área adversária prontos a cruzar ou mesmo rematar.

- Carriço é um jogador à Sporting, mostrou mais uma vez ser um jogador com muita raça. Salvou Polga de uma actuação ainda pior…

- Os dois médios estiveram em bom plano: André Santos desempenhou tarefas mais defensivas, complicando poucas vezes e efectuando passes de grande qualidade. Maniche esteve mais ofensivo, correu muito e mereceu o golo que marcou.

- Vukcevic está outro jogador, no entanto tem momentos no jogo em que desaparece completamente. Valdes mostrou qualidade e esteve perto do golo.

- Postiga e Liedson estiveram sempre muito solidários, aparecendo muitas vezes em tarefas defensivas.

Não gostei:

- Polga não é jogador para o Sporting. Chega de tentar dar-lhe oportunidades, ele não consegue jogar mais, falha, falha e falha. O golo foi culpa dele e se não fosse Carriço a tapar os seus buracos, estaria a esta hora a falar em desastre…

- Os suplentes utilizados entraram e não acrescentaram nada à equipa. Yannick não conseguiu dominar uma bola, Pongolle já nem vou comentar e Matias continua a ser queimado! Está-se a perder um grande jogador…

Comentários

Anónimo disse…
o pongole teve 1a chance de marcar
e o matias estva apagado mas precisas de oculo tu viste aquele passe espectacular que ele fez o yannick concordo tem que ser vendido esta desmotivado ja nao da para o nosso sporting
Anónimo disse…
Mas tu es cromo?viste o jogo noutro canal?eu vi sou do scp e o golo do maniche nao foi de trivela,e digo te mais se ele metexe trivela a bola nao ia para ali pois vinha corrida,aconselho te a ver e rever a jogada
Marco disse…
Por mais que o polga seja um jogador acabado, o golo nao foi culpa dele, o joao pereira deixou o jogador desmarcar-se chegou atrasado, mas pode.se dizer que a defesa no geral baixou muito em relaçao ao resto da equipa, logo havia muito spaço entre o meio campo e a defesa para os outros criarem jogadas de perigo. O torsiglieri, Tonel e NAC sao mto melhores que o polga que ia deixando o adversario marcar o 2golo, simplesmente ja n sabe mais.

Outra coisa que eu achei estranho foi dizeres que o Matias continua a ser queimado, entao ele entrou e mexeu logo com a equipa, grande passe para pongolle ( que precisa claramente de mudar, sem angulo vai rematar??), e tb fez o passe para o evaldo que originou o golo, nunca errou, e de certeza que demonstrou ao treinador que merece ser titular...Queimar era o que o Carvalhal fazia que o punha no ultimo minuto so para ganhar tempo.

Enfim temos de continuar a acreditar e de certeza com zapater akele meio campo fika melhor servido~.

SL
CL_Sporting disse…
Eu não disse que Matias jogou mal!
Eu acho o Matias um excelente jogador, esteve pouco tempo em campo mas fez uma boa exibição. Só disse que o estão a queimar, por mim era titular!

Já vi de novo o lance do golo de Maniche, continuo a achar que foi trivela!

Uma última coisa, não é preciso ofender e chamar nomes, lutamos pela mesma causa e não vou voltar a tolerar comentários a insultar

SL a todos!
RicardoG disse…
Concordo na generalidade com a tua análise CL_Sporting, mas se me permites acrescento o seguinte:

Do Patrício não me lembro de nenhuma falha, mas se existiu uma... Mas lembro-me das defesas importantes que fez (cá e lá). Se calhar falhou muito mais o jovem Carriço.

Na minha opinião, não é o Patrício que não dá confiança à equipa. É a linha defensiva e principalmente os centrais que não dão essa confiança à equipa e ao próprio Patrício.
Confiança aos adeptos? Os adeptos podem ver futebol há 30 anos e mesmo assim não percebem nem aprenderam nada sobre "O Jogo" e portanto é natural que critiquem ou arranjem desculpas fáceis ("a culpa é do beltrano") quando os males são mais complexos (variações de um sistema consoante a posse de bola ou sem a bola, ocupação de espaços, compensações, etc etc, e já agora disponibilidade física e mental de cada jogador).

Yannick raramente teve uma bola proveniente de um colega mas esteve bem a pressionar, a forçar o erro do adversário e até recuperou bolas. Má decisão num lance de contra-ataque quando deveria ter surgido na direita onde havia espaço e escolheu correr para o meio dos centrais não dando linha de passe ao Liedson. Contudo, positivo.

Do Pongolle comento eu então: A bola já não queimou, bom controlo da mesma e ainda ajudou a tapar o corredor esquerdo. É claramente um bom jogador e só depende da cabeça dele demonstrá-lo (não vale é os 6,5M, mas pronto, suspiremos). De acordo com a reacção dos adeptos, houve um lance em que se precipitou, mas tinha mesmo de fazer o que fez, ou seja, boa decisão mas sem a direcção certa (centro para as mãos do GR). Positivo.

As bolas apareceram muitas vezes entre o João Pereira e o Carriço... Poderiam ter feito melhor.

Força com este Blog, é dos mais interessantes. Abraço.
Fábio disse…
Obrigado amigo.
Volte sempre.
SL
FMota disse…
Escrevo este comentário para dizer que realmente o SCP podia ter jogado melhor. O adversário de seu nome desconhecido e de difícil pronuncia, fazia acreditar que seria muito mais fácil. Mas, na realidade a difícil pronúncia do nome tornou-se também difícil no campo. O Nordsjaelland foi tanto cá como lá, uma equipa bastante razoável, principalmente no contra ataque.
Para quem diz que o SCP não joga nada, não presta, que os jogadores são todos maus, o treinador é do piorio, aqui vai uma crónica bem resumida do jogo.
1.ª parte:
- Lance de contra ataque do Nordsjaelland. Algum perigo.
- Vukcevic ganha a bola dentro da grande área e remata às malhas laterais (podia ter atrasado a bola para Postiga mas optou pelo remate)
- Canto para o SCP. Cabeceamento do Postiga com perigo guarda-redes defende com dificuldade. Ninguém para emendar.
- Golo do Sporting. Desmarcação de Postiga para Liedson. Remate defende o guarda-redes. Recarga de forma pouco ortodoxa. Ressalto e Postiga marca.
- Jogada de Valdez pela esquerda. Tirou o adversário do caminho já dentro da grande área e depois fez o mais difícil. Rematou por cima.
- De fora da área, grande remate de Vukcevic. Guarda-redes defende.
- Postiga tenta chapéu do meio campo. Grande momento mas o GR defende.
Final da 1.ª parte. Sem dificuldade, o SCP deveria estar a ganhar pelo menos por 3-0. Tremenda falta de eficácia.
2.ª parte:
O SCP, entrou pior, mas mesmo assim:
- João pereira, numa grande jogada colectiva, começada e acabada pelo mesmo, remata do lado esquerdo para grande defesa do GR Dinamarquês.
- Perigo para a baliza do SCP, com Patrício a emendar o erro a uma saída, efectuando uma grande defesa.
- Mais perigo para o SCP. Cruzamento do Nordsjaelland a bola ressalta na cabeça do André Santos e vai mais ou menos bombeada para a área. Polga aos papéis. Passou o perigo.
- Grande jogada do SCP. Postiga cruza a meia altura da esquerda e Maniche de 1.º remata por cima.
- Penálti a favor do SCP não assinalado pelo árbitro.
- Cruzamento de J. Pereira. Djaló cabeceia ao lado.
- Golo do Nordsjaelland. Pouca pressão no meio do campo. Bola passa entre Carriço e J. Pereira.
- Oportunidade para Pongolle. Remate defeituoso passa ao lado.
- Grande calafrio para o SCP. Quase sofria golo em remate do jogador do Nordsjaelland.
- Grande jogada do SCP. Golo do Maniche.

Após este resumo, acho que está evidente que poderíamos ter sofrido muito menos ou nem sequer sofrer. Criamos oportunidades suficientes para sair de Alvadade aplaudidos e com o resultado de no mínimo 4-0.
Para mim, a tremenda falta de eficácia (não só dos avançados) está na base do mau resultado. As bolas não entravam e os jogadores iam ficando nervosos. De salientar que na 2.ª parte existiu um relaxamento em termos de agressividade do meio capo do SCP, nas saídas do ataque da equipa do Nordsjaelland.
Na minha opinião falta-nos um central melhor e um avançado que marque golos. Nem que seja daqueles golos em que a bola antes de entrar toque em 3 jogadores adversários. Se ontem após o golo do Postiga tivéssemos um golo desses aposto que sairíamos de lá com uma vitória esmagadora.
Agora não podemos é começar o deita a baixo. Corremos o risco de correr ainda pior que o ano passado.
Mas penso que não será assim. Acho que temos base e melhorando a eficácia seremos bastante fortes.
Vamos apoiar. Eles precisam do nosso apoio. E nós, adeptos, também.
Vamos voltar a gostar do Sporting. Vamos deixar-nos de lamentações. Só faz falta quem cá está. Se não vier mais ninguém, vão ser estes que nos vão tornar campeões. Eles e nós, cantado a uma só voz:
ESTAREMOS SEMPRE CONTIGO
A GANHAR OU A PERDER
SPORTING ATÉ MORRER

SL
FMota