Saudação Leonina vs Saudação Fascista

Os últimos dias têm sido profícuos para a malta das redacções que, qual tentativa de minorar o Sporting, aproveitaram o caso das fotos no túnel da equipa visitante para fazer notícias e comentários acerca do sucedido. Nada me surpreende neste caso, nem a atitude da UEFA. Tudo começou num dia antes do clássico (logo à partida uma data bastante curiosa!), onde o Público publica na sua capa, e com imagem e “gordas” bem grandes, imagens do túnel de acesso ao relvado em que eram visíveis sinais de hostilidade e incentivo à violência. O Sporting, na figura do seu director de comunicação, afirmou que tais imagens foram aprovadas e elogiadas por representantes de UEFA e da Liga, afirmações que dias mais tarde foram desmentidas por “fontes seguríssimas” de ambas as instituições mencionadas.

Pois bem, parece que a UEFA pediu ao Sporting que no próximo jogo europeu as imagens sejam tapadas ou então substituídas por outras com menor teor ofensivo. Uma atitude normal do orgão que regulamente (?) o futebol europeu, mas surpreendente por ser preciso que um jornal português (em claro acto de desespero, em busca de fama) publique meia dúzia de fotos para que seja tomada uma decisão destas, ainda para mais quanto, este ano, já se realizaram quatro jogos europeus em Alvalade. Que esta história tem aspectos estanhos e inexplicáveis é um facto, desde a data de publicação da notícia, da atitude da UEFA e falta de uma reacção por parte da direcção leonina. Por falar em UEFA, já lhes mostraram as escutas referentes à corrupção? Se calhar até já, pero no pasa nada…

Ah, acrescento mais uma coisa. Numa notícia com o título “UEFA pede ao Sporting que retira as imagens do corredor”, existe uma passagem em que referem «poses que sugerem uma saudação fascista ou tatuagens com a cruz de ferro, um símbolo que, não sendo exclusivo do nazismo, está muito associado a movimentos da extrema-direita». Quem segue os jogos dos Sporting e está atento às claques, já deve ter reparado que entre os topos Norte e Sul existe grande interacção, algumas vezes com o nome do clube a ser entoado de ambos os lados. Durante estes momentos, os adeptos levantam o braço em direcção ao lado contrário, sendo que, ao mesmo tempo, gritam Sporting, como a imagem inicial do post o demonstra. Agora pergunto, isto é uma saudação fascista?

Comentários

Leo disse…
Excelente post!
DM disse…
Desde quando o Público precisa de buscar fama? É apenas um dos Jornais (se não "O" jornal) com melhor reputação no País!

A reacção da UEFA não é surpresa para ninguém. Naturalmente iriam mandar tirar as imagens e até reajo com alguma estranheza, não ter multado o SCP. Já quanto à falta da reacção por parte deste... Tão à espera do que? Sabem perfeitamente que estão em erro, ainda para mais depois de serem apanhados flagrantemente em mentira... Não resposta possível a isto. Resta-lhes apenas aceitar a decisão e permanecer em silêncio! Já basta a vergonha que foi estes últimos dias.
Álamo disse…
O meu aplauso para o post, em particular para a fotografia e último parágrafo.
SL
JM disse…
Quanto ao timing da notícia não há muito a dizer... se as imagens estão lá desde o início da época será preciso esperar pelo jogo com o FCP para fazer notícia???
Quanto às imagens escolhidas... como sportinguista não me sinto nada identificado com elas e penso que não representam da melhor maneira os melhores adeptos do país.
Imagens com adeptos a festejar um golo, ou mesmo as proporcionadas pelo no último jogo com o FCP, o "vulcão de Alvalade" e o estádio "vestido" de verde e branco" pelos adeptos, ou simplesmente os cachecois ao alto com as nossas cores, mostrariam de certeza aos nossos adversários o nosso fervor e o ambiente que somos capazes de criar em Alvalade.
O futebol não é uma guerra, e um verdadeiro adepto do sporting, na minha opinião não esconde a sua cara atrás de um capuz, nem exibe simbolos que nada têem haver com o nosso clube, e essas imagens do nosso túnel de certeza que não representam o sentimento da maioria dos nossos adeptos.

Saudações Leoninas
JM