Classe (e falta dela) !


“Mais vale um pássaro na mão, do que dois a voar”, lá diz o velho ditado. Durante estes dois últimos dias, foram dispensados dois dos jogadores que supostamente seriam os donos do meio campo na temporada passada. Pedro Mendes foi (e é) aquele tipo de jogador que todos os adeptos gostam, que têm o dom de cativar e fazer jogar os colegas, algo que não abunda no futebol actual. Maniche chegou a Alvalade como rosto da campanha da Gamebox, afigurando-se assim como figura de proa do plantel leonino. As jornadas foram passando, e cada um dos jogadores ia perdendo o seu espaço, por razões diferentes.

Podia fazer um post de 10000 palavras sobre a temporada que passou, mas não é por isso que escrevo aqui. É importante distinguir a categoria destes dois senhores. Pedro Mendes, até na hora da despedida, espalhou classe. Agradeceu aos adeptos, pediu desculpa por não ter correspondido da melhor forma e, segundo consta, recusou receber metade do seu ordenado no processo de rescisão de contrato. Vimaranense de gema, não é sportinguista de coração, mas soube distinguir o aspecto pessoal e profissional, sempre com proveito. Já Maniche, sai do clube pela porta pequena. Pequena como as prestações que realizou no Sporting. Assumiu-se sportinguista desde pequeno, era o sócio xxxx, mas a verdade é que no momento da saída foi menos sportinguista que o “não” sportinguista Pedro Mendes.

Para finalizar, e em nome de toda a equipa do Mercado Leonino, desejo felicidades aos dois, porque além de terem sido jogadores do Sporting, são humanos. Mas, e titulo individual, quero agradecer a Pedro Mendes não só o que fez pelo clube, mas também o que (sem saber) fez por mim. Jogo futebol na mesma posição que ele, e sempre foi a minha referência (a par de Xavi). Tenho pena que saia assim, e, estabelecendo o paralelismo com o sábio provérbio popular, mais vale um Pedro Mendes num plantel, do que Pedro Mendes e Maniche a voar…

Obrigado Grande Pedro!

Comentários

Anónimo disse…
Não te preocupes, para o ano voltas a ter um Pedro Mendes no plantem. A defesa-central

SL
Anónimo disse…
como é que tu, jogando na posição de pedro mendes, tens o xavi como referencia? era a mesma coisa que eu ser guarda-redes e ter como referencia o balboa.

Xavi não é medio defensivo, pedro mendes sim. Pedro mendes é um 6 e Xavi um 8. Mas ainda bem que o pedro mendes fez muito por ti, o balboa tambem ja me deu momentos de grande felicidade.

AMO-TE SPORTING